Seguidores

domingo, 2 de junho de 2013

Reconquistar...!!


Não deixe a semente do "Amor", morrer!!

Foto: O amor não morre
Letícia Thompson

O amor não morre. Ele se cansa muitas vezes. Ele se refugia em algum recanto da alma tentando se esconder do tédio que mata os relacionamentos.
Não é preciso confundir fadiga com desamor. O amor ama. Quem ama, ama sempre. O que desaparece é a musicalidade do sentimento. A causa? O cotidiano, o fazer as mesmas coisas, o fato de não haver mais mistérios, de não haver mais como surpreender o outro. São as mesmices: mesmos carinhos, mesmas palavras, mesmas horas... o outro já sabe! 
Falta magia. Falta o inesperado. 
O fato de não se ter mais nada a conquistar mostra o fim do caminho. Nada mais a fazer. Muitas pessoas se acomodam e tentam se concentrar em outras coisas, atividades que muitas vezes não têm nada a ver com relacionamentos. Outras procuram aventuras. Elas querem, a todo custo, se redescobrir vivas; querem reencontrar o que julgam perdido: o prazer da paixão, o susto do coração batendo apressado diante de alguém, o sono perdido em sonhos intermináveis e desejos infindos. 
Não é possível uma vida sem amor. Ou com amor adormecido. 
Se você ama alguém, desperte o amor que dorme! Vez ou outra, faça algo extraordinário. Faça loucuras, compre flores, ofereça um jantar, ponha um novo perfume...
Não permita que o amor durma enquanto você está acordado sem saber o que fazer da vida. Reconquiste! Acredite: reconquistar é uma tarefa muito mais árdua do que conquistar, pois vai exigir um esforço muito maior. Mas... sabe de uma coisa? Vale a pena! Vale muito a pena!


                         O amor não morre                                                    
Letícia Thompson

O amor não morre. Ele se cansa muitas vezes. Ele se refugia em algum recanto da alma tentando se esconder do tédio que mata os relacionamentos.
Não é preciso confundir fadiga com desamor. O amor ama. Quem ama, ama sempre. O que desaparece é a musicalidade do sentimento. A causa? O cotidiano, o fazer as mesmas coisas, o fato de não haver mais mistérios, de não haver mais como surpreender o outro. São as mesmices: mesmos carinhos, mesmas palavras, mesmas horas... o outro já sabe!
Falta magia. Falta o inesperado.
O fato de não se ter mais nada a conquistar mostra o fim do caminho. Nada mais a fazer. Muitas pessoas se acomodam e tentam se concentrar em outras coisas, atividades que muitas vezes não têm nada a ver com relacionamentos. Outras procuram aventuras. Elas querem, a todo custo, se redescobrir vivas; querem reencontrar o que julgam perdido: o prazer da paixão, o susto do coração batendo apressado diante de alguém, o sono perdido em sonhos intermináveis e desejos infindos.
Não é possível uma vida sem amor. Ou com amor adormecido.
Se você ama alguém, desperte o amor que dorme! Vez ou outra, faça algo extraordinário. Faça loucuras, compre flores, ofereça um jantar, ponha um novo perfume...
Não permita que o amor durma enquanto você está acordado sem saber o que fazer da vida. Reconquiste! Acredite: reconquistar é uma tarefa muito mais árdua do que conquistar, pois vai exigir um esforço muito maior. Mas... sabe de uma coisa? Vale a pena! Vale muito a pena!




Foto: Mamãe
Letícia Thompson

Quando um bebê decide vir ao mundo, nasce com ele uma mamãe.  
Uma mãe é mãe desde o primeiro instante. Mesmo quando a vida ainda é um minúsculo ser implantado no ventre, a gente já é mãe do coração. Todo nosso pensamento, todo nosso cuidado se volta para esse serzinho que, tão minúsculo, já provoca emoções tão grandes.
A simples descoberta já nos traz um turbilhão de emoções inexplicáveis. A vida nunca mais vai ser a mesma. E nos perguntamos: "será que vou ser uma boa mãe?" "Será que vou saber cuidar do meu bebê?" 
Mas uma mãe não nasce mãe e não aprende a ser em escolas. Uma mãe é e isso basta. Mãe sente, mãe adivinha, mãe aprende sofrendo, mãe sofre aprendendo. 
 Benditas são as mulheres! Se elas suportam uma das maiores dores, sentem sem dúvida a maior das felicidades. Uma mulher grávida é sempre algo sublime, ela tem algo de anjo e santo, uma aura invisível que reflete e ilumina seu rosto. Ela carrega nela a vida, um pedacinho dela mesma que vai um dia ter vida própria e isso é maravilhoso e assustador ao mesmo tempo. 
Deve ser por isso que nos tornamos tão emotivas e choramos tão facilmente. Deve ser essa a razão de querermos estar satisfeitas em todos os nossos desejos.
Que a gravidez não é uma doença é verdade. Mas que não digam que é normal e que a pessoa pode viver normalmente, pois isso não é verdade. Todo o equilíbrio físico, psicológico e emocional fica balançado. Há ainda hoje civilizações onde as mulheres grávidas são tratadas como seres especiais e divinos. 
Mãe que está descobrindo as alegrias da maternidade agora, deixa eu te dizer uma coisa: se você tem medo de não saber o suficiente para ensinar ao seu bebê os caminhos da vida, saiba que é com ele que você vai aprender a trilhar muitos desses caminhos. Viva a sua gravidez em todos os seus instantes e não se preocupe se está fazendo ou se fará as coisas certas ou erradas. Seu coração vai te ditar, confie nele!  Aproveite ao máximo cada segundo, pois cada momento é único e esse privilégio não é dado a todos. Fale com seu bebê, faça carinho nele, sorria pra ele; viva o mais serenamente possível. Acredite: esses momentos são preciosos!...
E, sobretudo, você é uma pessoa agraciada! Deus os escolheu, para que fizessem parte um do outro. Ele saberá, certamente, conduzi-los nesse maravilhoso caminho.








        Tudo no namora é bom! Até chegar o casamento!
   Se não for regado dia após dia, cai na monotonia,rotina.
   Até uma plantinha,se não for regada, morre.
   assim é o "amor "!!
   Chega um determinado tempo, que necessita de ser reconquistado.

      Amados, um grande beijo da amiga,Soninha!!! Abraços!!

24 comentários:

  1. Oi Soninha,
    De vez em quando eu saio de sem avisar. O celular começa a tocar eu não atendo. Ele fica desesperado com o carro a minha procura. Me arrumo toda como se fosse a uma festa, quase sai briga.kkkk. São pequenos detalhes que da vida aos casais.
    Antes, cada época pintava o cabelo de uma cor, ele até assustava, depois no outro dia troca de cor.Nós temos que ser um pouco loucas, senão o amor esfria.
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderExcluir
  2. Não deixa morrer o amor
    Não o deixa ir embora
    Para você fui colher uma flor
    Antes do romper da aurora.

    Perfumada para você
    Porque bem a merece
    Quem estas palavras lê
    Do amor não se esquece.

    Para você as escrevo
    Já tenho caneta papel e mata borrão
    Com elas não aborreço
    Da Soninho alegro o seu coração!

    Boa segunda-feira,
    um beijinho para você
    amiga Soninha
    Eduardo.

    ResponderExcluir
  3. Bom dia, Soninha! Pois é, amiga, depois da conquista, vem a tarefa árdua, mas prazerosa, da reconquista diária, senão o relacionamento cai na monotonia e perde a graça. Bjs, tenha uma semana abençoada!
    Isabel

    http://isabelborboletando.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. O amor jamais poderá morrer!Tendo reciprocidade mútua,ele
    irá durar uma eternidade!

    Bjs Soninha.

    Carmen Lúcia-mamymilu.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Olá!Bom dia
    Amiga Soninha
    Concordo com o texto da Letícia ... tentar recuperar, surpreender, fazer algo de novo, saber ler nas entrelinhas da pessoa amada, pois se o amor está lá podemos reacendê-lo... É preciso dar vida ao amor que se sente. Ficar adormecido num canto não é bom! Torna-nos menos aptos a sentir as pequenas coisas e a ver aqueles momentos únicos que surgem do nada.
    Obrigado por partilhar.
    Parabéns pela escolha, para refletirmos.
    Bom início de semana
    Obrigado pelo carinho
    Beijos

    ResponderExcluir
  6. GENTE QUE LINDO ESTE POST ADOREI QUERIDA...SUCESSO SEMPRE,VOLTAREI SEMPRE...
    http://blogsabrinasecret.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. O maior problema do ser humano é o conformismo e deixar tudo cair na rotina, podemos e devemos ser mais ativos em qualquer situação, principalmente no amor ... na relação a dois.

    Minha querida, uma linda noite pra você!
    Texto belíssimo da nossa Letícia.

    Abraços
    Thiago

    ResponderExcluir
  8. Q lindo seu blog, adorei!
    Te encontrei no Agenda dos Blogs, e estou te seguindo.
    Venha conhecer o meu e, querendo, me siga. Bjs.
    http://penteadeiradasloucas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Oi Soninha
    Muito bom o post! Concordo plenamente contigo amiga, por isso eu o Marcos não deixamos nosso casamento cair na rotina ruim, esse é o segredo do sucesso do nosso casamento!
    Bjos no core.

    ResponderExcluir
  10. Boa noite!! uma parte do amar, é saber reconquistar todos os dias.
    Mas uma vez atualizo os meus fragmentos, visite quando tiver tempo:
    http://maybe-i-smiled.blogspot.com.br/
    http://dicionario-feminino.blogspot.com.br/
    Fique com Deus, beijos

    ResponderExcluir
  11. Ola passando para te conheçe e amei o seu cantinho super especial, sou da agenda dos blogs...e adorei o seu cantinho, estou te seguindo, faça-me uma visita bjocas
    http://culinariachrisgipebube.blogspot.com.br/
    christina

    ResponderExcluir
  12. oi amiga lindo seu cantinho venho atraves da Agenda dos Blogs http://mulherfashioon.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Não se vive sem amor,beijo Lisette.

    ResponderExcluir
  14. ao tarde, Soninha. O amor tem de ser cultivado diariamente nas mínimas coisas, as que achamos que não tem importância, são elas as que mais necessitam de água para sobreviverem.
    Muitos pensam que pelo fato da relação estar estável, signifique estar-se feliz ou que jamais haverá separação.
    Nada disso, o amor tem de ser bom, diário e companheiro.
    Diálogo, sempre, programas diferentes, ainda que simples, tem de fazer parte da vida do casal.
    Amor, se não cuidado, como tudo na vida, morre!
    Beijos na alma e paz!
    Tudo de bom!

    ResponderExcluir
  15. oi, soninha obrigada por visitar meu blog amei ter vc por lá, tenha uma linda semana bjimmm
    www.bybeiju.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  16. Ola Soninha querida, adoro os textos da Leticia e esse coração de rosas, manina o que é issoooooooo??? oh my God, rss Escelente semana para vc florzinha linda.
    Um abraço carinhoso

    Paty Alves
    Ágape Amor Verdadeiro
    Patyiva
    Vou Conseguir

    ResponderExcluir
  17. Olá amiga Soninha!!!
    Olha que belo texto... Muito verdadeiro!
    O amor se não for regado no dia a dia, murcha como uma plantinha...
    Linda postagem!

    Beijos em seu coração!

    Fernanda Oliveira

    ResponderExcluir
  18. QUERIDA SANDRA
    Que mensagem linda.Passando para te desejar um Feliz Dia dos Namorado que vc comemore sempre com muita alegria e muito amor.
    Um bj
    Ana

    ResponderExcluir
  19. Soninha,muito verdadeira essa msg!Amor tem que ser cuidado todos os dias!Linda msg!bjs,

    ResponderExcluir
  20. Olá Soninha

    Linda mensagem. Muitas vezes nos relacionamentos "falta o inesperado". Bjs amiga.

    ResponderExcluir
  21. Linda mensagem Soninha,ralmente o amor tem que ser regado como uma planta,se faltar água ele morrerá.

    Estou passando para lhe desejar um ótimo final de Outono.

    bjs
    Carmen Lúcia-mamymilu.blogspot.com

    ResponderExcluir